Beneficiárias recebem capacitação para novos futuros na Padaria Pão de Moça

As beneficiárias do “Cooperativa Pão de Moça – Mulheres de Coragem em Ação” têm participado da capacitação neste projeto que conta com cofinanciamento da Estratégia ODS e da União Europeia.

O conteúdo envolve desde o preparo e a manipulação dos alimentos até a gestão do futuro negócio, a Padaria Pão de Moça, cuja reinauguração está prevista para setembro. Entre os cursos e atividades estão: empreendedorismo; nutrição e manipulação de alimentos; cooperativismo; elaboração de Estatuto e Regimento da cooperativa; além da importância dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

As 20 participantes foram reunidas com a associação entre a Reciclázaro, por meio da Casa de Marta e Maria, e as instituições Morada do Sol, COR, Maria Maria e Lar de Nazaré, como uma resposta para impulsionar o crescimento profissional de mulheres de baixa renda na liderança de empreendimentos sustentáveis, garantindo condições econômicas e sociais para cada uma delas.

O projeto é uma iniciativa de desenvolvimento econômico local fundamentado em 6 pilares da Agenda 2030 da ONU, de acordo com os seguintes Objetivos de Desenvolvimento Sustentável: erradicação da pobreza; igualdade de gênero; trabalho decente e crescimento econômico; redução das desigualdades; consumo e produção responsáveis; e construção de parcerias e meios de implementação.

Associação Reciclázaro recebe apoio da Estratégia ODS e União Europeia

A Associação Reciclázaro recebeu o apoio da Estratégia ODS e da União Europeia para a realização do projeto “Cooperativa Pão de Moça – Mulheres de Coragem em Ação”, que oferecerá capacitação e geração de renda por meio do empreendedorismo às mulheres acolhidas na Casa de Marta e Maria e às usuárias dos serviços de outras instituições da Rede de Proteção Social de São Paulo.

Localizada no bairro do Belenzinho, dentro do CEFOPEA, unidade da Associação Reciclázaro, a padaria impulsionará o crescimento profissional de mulheres de baixa renda na liderança de empreendimentos sustentáveis, garantindo condições econômicas e sociais necessárias para que as mães não se separem de seus filhos ao deixarem os serviços de acolhida na cidade.

A primeira etapa do projeto reuniu as instituições Morada do Sol, COR, Maria Maria, Lar de Nazaré e Casa de Marta e Maria para compreender as necessidades das mulheres interessadas em fazer parte da ação, além de implementar os cursos de capacitação.

O projeto é uma iniciativa de desenvolvimento econômico local fundamentada em 6 pilares da Agenda 2030 da ONU, de acordo com os seguintes Objetivos de Desenvolvimento Sustentável: erradicação da pobreza; igualdade de gênero; trabalho decente e crescimento econômico; redução das desigualdades; consumo e produção responsáveis; e construção de parcerias e meios de implementação.

Manifestação conscientiza sobre o combate à violência contra os idosos

O enfrentamento aos diversos e recorrentes tipos de agressões ao idosos ganhou uma manifestação especial durante esta semana. No Dia Mundial de Conscientização e Combate à Violência contra a Pessoa Idosa, 15 de junho, a Associação Reciclázaro, por meio do Programa de Atenção à Pessoa Idosa (Progapi), e o Grupo de Articulação de Moradia para Idosos (Garmic), alertaram sobre a violação de direitos durante a pandemia.

No lugar das ruas, que são tradicionalmente ocupadas a cada ano nessa data, os conviventes da Casa de Simeão se reuniram para o protesto nas sacadas do prédio onde vivem, seguindo recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) para prevenção à COVID-19.

“Respeite as marcas das histórias que trago na pele e na alma”, “O silêncio significa cumplicidade. Não se cale, denuncie!” e “Denunciar todos os tipos de violência é dever do cidadão” foram algumas das mensagens exibidas nos cartazes, buscando conscientizar sobre o risco presente em muitos lares.

Os 150 participantes receberam exemplares do Estatuto do Idoso e colaboraram para a criação de um mural com o tema Junho Violeta, trazendo informações sobre as formas de violência, caracterizadas como qualquer ação ou omissão que leve ao dano, morte, sofrimento físico ou psicológico, bem como sobre o Disque 100, canal da Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos para denúncias de violações de direitos.

PROGAPI

Criado em 2009 pela Associação Reciclázaro, o Programa de Atenção à Pessoa Idosa apoia e fomenta iniciativas para aprimorar a qualidade de vida e a autonomia dos idosos, atuando de forma independente e em parceria com as instituições públicas e privadas, além de Organizações da Sociedade Civil.

GARMIC

O Grupo de Articulação de Moradia para Idosos defende os direitos de idosos em vulnerabilidade, especialmente no que diz respeito à moradia, e funciona como centro de informação, assessoria, articulação e reivindicação.

Fundação Itaú Social distribuirá 750 cestas básicas por meio da Associação Reciclázaro

Na última semana cerca de 250 famílias receberam as cestas básicas distribuídas no Espaço Gasômetro e no CEFOPEA A ação foi patrocinada pela Fundação Itaú Social, que está oferecendo apoio para enfrentamento aos desafios trazidos pela pandemia e elegeu a Associação Reciclázaro como uma das Organizações da Sociedade Civil para participar desta iniciativa.

No total, serão entregues 750 unidades, entre os meses de junho e agosto. Na composição estão alimentos não perecíveis, produtos de higiene e limpeza, além de frutas, verduras e legumes, para complementar os benefícios nutricionais, e um livro, buscando estimular a leitura.

No primeiro mês, cerca de 1000 pessoas foram contempladas. Entre elas, beneficiários cadastrados, atendidos pela Associação Reciclázaro, e famílias das comunidades do Belém e da Brasilândia.

O trabalho contou com o apoio do Instituto Radio Tron, por meio de seu presidente Carlos Augusto Matos, líder comunitário da Nelson Cruz, no Belém; bem como do líder comunitário Eliseu Luiz da Silva, da Brasilândia; além da equipe da Reciclázaro.

A Fundação Itaú Social é o braço de responsabilidade social do banco Itaú, focado principalmente em projetos ligados à educação.

#reciclazaro #pandemia #juntoscontraocoronavirus #coronavírus

Comitê Betinho doa alimentos e produtos de higiene para a Associação Reciclázaro

Durante a pandemia, todos temos enfrentado muitas mudanças. Cada dia é repleto de novos desafios, mas o comprometimento da nossa equipe e a solidariedade daqueles que acompanham o nosso trabalho nos ajudam a superar cada um deles.

No último dia 5, recebemos do Comitê Betinho a doação de alimentos e produtos de limpeza. Suprimentos como arroz, feijão, macarrão, molho de tomate, óleo de soja, sal, além de detergente e água sanitária serão destinados à Casa São Lázaro, à Casa de Marta e Maria e à Casa de Simeão.

A ação beneficiará cerca de 430 pessoas em situação de vulnerabilidade que são atendidas nos nossos centros de acolhida. Estas unidades abrigam crianças acompanhadas por suas mães, em busca de proteção contra a violência doméstica, idosos que perderam os vínculos e apoio, além de homens em situação de rua.

O Comitê Betinho é uma entidade sem fins lucrativos. Com sede em São Paulo, há 25 anos apoia, por meio da doação de parceiros, projetos que contribuam para a melhoria das condições de vida de pessoas que se encontram em exclusão social.

#reciclazaro #pandemia #juntoscontraocoronavirus #coronavírus

Reciclázaro no Programa Mais Família

Convidamos a todos a assistir o Programa Mais Família na REDE VIDA, dia 22/08/2016 às 22h00. Em destaque, as atividades da Associação Reciclázaro e entrevista com o presidente Padre José Carlos Spínola.

A REDEVIDA está presente em todo território nacional através do sinal aberto (VHF-UHF) em todas as 27 capitais de Estados e nas 500 principais cidades brasileiras.

O Canal da Família também pode ser sintonizado pelas antenas parabólicas, em todo território nacional e países vizinhos.

TV POR ASSINATURA

NET Brasil. canal 193 
GVT. canal 243 
ALGAR. canal 12 Cabo SD | 312 Cabo HD | 710 DTH 
Oi TV. canal 16 
VIVO TV. canal 229 Digital | 04 Analógico 
CLARO TV. canal 17 
SKY. canal 368 Digital | canal 162 Analógico

Redação:

Assiantura-Comunicação-I     

 

 

Reciclázaro recebe importante comitiva da Colômbia

BASE-MEIO-RGB---29.07.16

A Reciclázaro no início do mês de julho recebeu a visita de um grupo especial da Colômbia: o Secretário de Desenvolvimento Territorial e Bem-Estar Social da Prefeitura Municipal de Santiago de Cali, Esaud Urrutia Noel, a Coordenadora do Programa de Atenção à pessoa em situação de rua da Secretaria de Bem-Estar Social, Diana Pereira, o Presidente da Fundação Samaritanos de La Calle, Padre José Gonzalez, a Diretora da Fundação Samaritanos de La Calle, Libia Fanny Mina e o Diretor Espiritual da Fundação Samaritanos de La Calle, Padre Braulio. A Fundação Samaritanos de La Calle é uma ONG que realiza atendimento à população em situação de rua; uma instituição da Arquidiocese de Cali, criada em 1998, com o propósito de compartilhar atenção a moradores de rua, dos bairros centrais de Cali, (Sucre, Calvario, San Pascual, Santa Rosa, San Bosco Obrero) e outros setores como a cidade Island, áreas estádio e Santa Elena, identificados como locais de assentamento dessa população, severamente excluída na cidade, sem garantia de seus direitos fundamentais.

Ansiosos por conhecer o trabalho da Reciclázaro, os visitantes chegaram no dia 04 de julho e foram diretamente visitar o CEFOPEA – Centro de Formação Profissional e Educação Ambiental. Os visitantes foram recepcionados no Cefopea com um delicioso café da manhã, preparado pela Padaria Pão de Moça e, em seguida participaram de uma roda de conversa onde o supervisor da associação, Cido Martins, apresentou os projetos incubados pelo CEFOPEA, como as atividades desenvolvidas pelo PROGAPI patrocinadas pelo BB MAPFRE, a Padaria Pão de Moça, o curso de Alfabetização de Jovens e Adultos em parceria com a Alfasol, os cursos de Jardinagem, Texturização e Pintura Decorativa dentro do Projeto Cidadania Verde e o curso de Jardinagem, parte do projeto Guardiões da Praça em parceria com o Instituto Cyrela e os cursos desenvolvidos dentro do Projeto Incluindo Novos Sabores: Aquaponia, Hortas Suspensa e Vertical e Sistema Agroflorestal patrocinadas pela Fundação Cargil.

Na sequência, foi apresentado o Programa de Coleta Seletiva e Geração de Renda e as Cooperativas de Reciclagem: Vitória do Belém, Coopere, Vira Lata, Recicla Butantã, Tiquatira, Filadelphia, Caminho Certo, Recifavela, Cooper Glicério e Tietê.

No final, os visitantes puderam esclarecer suas dúvidas a respeito dos projetos e programas oferecidos pelo CEFOPEA, realizando uma visita monitorada a todos os espaços, onde puderam visualizar e compreender melhor cada ação realizada e os frutos de cada projeto.

Terminada a visita, o grupo se dirigiu à Casa Marta e Maria, onde conheceram a unidade e conversaram com os profissionais, constatando o funcionamento de um abrigo para mulheres e crianças.

A próxima unidade a receber os visitantes foi a Casa São Lázaro. Além de percorrerem e conhecerem a infraestrutura da unidade, o grupo participou de uma visita monitora, onde foram apresentadas todas as ações da unidade, tanto do centro de acolhida como as oficinas do Núcleo de Inserção Produtiva. Todos se encantaram com as oficinas, principalmente com o fusing (derretimento de vidro) e as infinitas possibilidades de desenvolvimento de produtos.

No final do dia, foi a vez da equipe de trabalho do Centro de Escuta do Espaço Gasômetro receber os importantes visitantes. Foi apresentado o trabalho desenvolvido pela equipe na comunidade do Brás, compartilhando as experiências da atuação comunitária, dos atendimentos psicossociais, das visitas a campo, nos domicílios e abordagem de rua, e também sobre os grupos para crianças, jovens, mulheres e pessoas em situação de rua que são desenvolvidas.

Outro aspecto importante desse encontro foi o compartilhamento sobre a consistência que o trabalho tem por se constituir em Rede de Recursos Comunitários, que compõe a equipe, outras organizações, por voluntários da comunidade e pelas pessoas que se beneficiam dessas ações. Foi um encontro de troca de experiências e mútuo aprendizado.

No dia 05 de julho, a equipe da Reciclázaro acompanhou o grupo em visita ao Centro Pop Mooca, onde conheceram a estruturas e as ações realizadas pela política municipal aos moradores em situação de rua.

Nessa mesma data, conheceram o Programa de Braços Abertos, comprovando in loco a tenda de atendimento na região da Cracolândia e o desenvolvimento desse programa.

No período da tarde, a comitiva colombiana participou de uma audiência com a Secretária Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, Luciana Temer, onde conversaram sobre as responsabilidades do poder público frente ao atendimento de pessoas em situação de vulnerabilidade. O encontro foi muito produtivo e proporcionou troca de experiências para todos. A secretária explanou sobre a política municipal, em especial da população em situação de rua, e dos diversos arranjos para o atendimento integral a essa população.

No dia 06 de junho, os visitantes conheceram o CRATOD – Centro de Referência de Álcool Tabaco e Outras Drogas – e a forma que o Estado realiza atendimento as pessoas que buscam tratamento para dependência química.

A tarde, houve um encontro no salão da Paróquia do Padre José Carlos Spínola, Presidente da Reciclázaro, com a presença de todos envolvidos no intercâmbio e representação das unidades e programas da associação, onde os visitantes puderam discutir e esclarecer questões  sobre as visitas realizadas. Após o encontro, todos degustaram um prato típico brasileiro, a feijoada.

A Associação Reciclázaro agradece imensamente à Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, Luciana Temer, à equipe Programa de Braços Abertos, à equipe do Programa Recomeço e ao CRATOD, pela atenção dispensada aos visitantes, tornando a visita, um intercâmbio de valor inestimável.

Confira as fotos:

Fotos - 29.07.16

Redação:

Assiantura-Comunicação-I

 

 

 

Reciclázaro capacitou 131 Cuidadores de Idosos

BASE-MEIO-RGB---04.07.16 II

Junho foi um mês muito especial para a Reciclázaro. O PROGAPI – Programa de Atenção à Pessoa Idosa realizou a formatura de 131 alunos, em capacitação para cuidadores de idosos, em São Paulo e em Santa Catarina.

No dia 18, aconteceu em São Paulo, a formatura do curso que durou três meses, contando com a presença dos 70 formandos, além de familiares e convidados que prestigiaram a cerimônia. O presidente da organização, Padre José Carlos Spínola realizou o juramento, junto com os formandos, reafirmando o compromisso de atuar de forma ética em sua função, sempre proporcionando melhor qualidade de vida aos idosos e apoio aos familiares. Entre os formandos, nos orgulhamos de um caso muito especial. A formanda Sra. Alayr Payoli, de 91 anos, nossa aluna mais idosa e um grande exemplo de vida e de envelhecimento ativo, brindou os presentes liderando o coro dos formandos, com a versão em português da música “Over the rainbow” (O Mágico de Oz).

Já no dia 24, aconteceu o encerramento e entrega de certificados do curso realizado em parceria com o SESC Prainha em Florianópolis. Receberam o certificado 28 novos cuidadores, em uma singela cerimônia. Após o evento, o SESC ofereceu um coquetel em homenagem aos formandos que contou com a participação de familiares, amigos e o Grupo de Coral do “Floripa Em Canta” que apresentaram belíssimas músicas.

No dia 25, a formatura foi na cidade de Brusque, onde 33 participantes do curso receberam o certificado de conclusão. Nesta cidade, a Reciclázaro contou com a parceria da Pastoral da Pessoa Idosa e da Paróquia São Luís Gonzaga. Após a cerimônia de encerramento foi oferecido um almoço, preparado pelas voluntárias da Pastoral da Pessoa Idosa, coordenada pela Sra. Cida Belli.

Nos dois encerramentos, estiveram presentes Sonia Mara da Silva, Presidente da recém-criada Associação Catarinense de Cuidador de Idoso – ACCI, Andréa Gadiolli F. Poscai, Coordenadora do PROGAPI/SC e o Padre José Carlos Spínola, presidente da Reciclázaro, que contou um pouco da história da organização e da grande importância em expandir as ações da entidade em outros estados.

Os momentos de encerramento dos cursos tiveram um significado especial para os formandos, pois alguns darão início a uma nova profissão, outros aperfeiçoaram suas aptidões e conhecimentos, ampliando as oportunidades de entrar no mercado de trabalho, enquanto que para outros, significou obter maior conhecimentos para ajudar familiares e amigos.  Para todos, significa principalmente dar apoio às pessoas idosas que necessitam de cuidados especiais. Para a organização significa cumprir com um dos seus grandes objetivos, que é, através dos cuidadores, oferecer melhor qualidade de vida as pessoas idosas em situação de fragilidade.

Vale ressaltar que todas as formações foram proporcionadas gratuitamente aos alunos, incluindo material didático e lanche, através do financiamento da Fundação Christel Wasiek, organização alemã que apoia ações direcionadas aos idosos na América Latina e Caribe.

A Reciclázaro em parceria com a fundação tem o compromisso de capacitar até o final de 2016, mais de 250 cuidadores, em São Paulo e Santa Catarina.

Confira abaixo as fotos das formaturas:

Fotos - 04.07.16

PATROCÍNIO:Logo-Fundação-Christel

Redação:

Assiantura-Comunicação-I

 

 

 

Cartilha “Incluindo Novos Sabores” ao seu alcance

A Reciclázaro disponibiliza a cartilha do Projeto “Incluindo Novos Sabores”, patrocinado pela Cargill.

O projeto conseguiu unir aspectos da produção e sensibilização ao combinar a implantação do Sistema Agroflorestal, Hortas suspensas e verticais e a Aquaponia com a formação através dos cursos; as oficinas de aproveitamento integral dos alimentos e os almoços sustentáveis. A demonstração de técnicas de aproveitamento do solo e a produção de alimentos em espaços pequenos transformaram o CEFOPEA em referência e muitas pessoas e instituições tem demonstrado interesse em replicar este conhecimento.

Na execução das ações compreendemos que a educação ambiental que desenvolvemos há alguns anos não pode estar desassociada da educação alimentar e seus modelos de produção. É imprescindível que ao falarmos sobre coleta seletiva, economia de água e energia entre outros temas, precisamos também darmos a dimensão sobre a produção de alimentos, desperdício e suas implicações ao meio ambiente e a sociedade. 

Redação:

Assiantura-Comunicação-I

 

 

 

Reciclázaro na posse dos Conselheiros do COMAS

BASE-MEIO-RGB---20.05.16-IIO dia 10 de maio foi uma data muito importante para a Reciclázaro. No auditório do Sindicato dos Contabilistas, aconteceu a cerimônia de posse dos 36 novos conselheiros (titulares e suplentes) da 9º Gestão (2016-2018) do COMAS-SP (Conselho Municipal de Assistência Social), onde três representantes da associação foram eleitos.

A Orientadora da Casa de Simeão, Girlândia Silva Santana foi nomeada 1ª Suplente no Segmento dos Trabalhadores nas organizações – privadas – de assistência social; e da Casa de Marta e Maria, as conviventes Mônica de Souza Pedro e Marina Rosário Braz foram eleitas Conselheiras no Segmento de Usuários.

A atividade contou com a participação da Secretária Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, Luciana Temer, que fez a entrega dos certificados e de material com o Atlas Socioassistencial da cidade para os novos conselheiros e para aqueles que estão deixando o cargo, após o mandato de 2 anos, entre eles o Sr. José Luiz da Silva, convivente da Casa de Simeão e Conselheiro do Segmento dos Usuários, que cumpriu suas atribuições com muita dedicação e dignidade.

A Reciclázaro considera com muita seriedade e relevância a ações do COMAS-SP, tendo realizado uma ampla divulgação em todas as suas unidades, sensibilizando e estimulando a participação de usuários e trabalhadores na participação da eleição dos representantes. Através de reuniões e assembleias de sensibilização, explicou-se o papel do COMAS na cidade e a influência da atuação dos representantes dos segmentos.

“O conselho tem uma responsabilidade imensa, pois ele é responsável pelo controle das políticas de Assistência Social no município. Todos que estão assumindo agora sabem da missão que têm pela frente nesses próximos dois anos. Desejo a todos muita consciência e sorte nas decisões e que nós possamos seguir caminhando e dialogando juntos em busca da consolidação do Sistema Único de Assistência Social [SUAS] na cidade de São Paulo e a divulgação cada vez maior para sociedade em geral do que é a Assistência Social”, afirmou a secretária.

O COMAS-SP tem como responsabilidade: aprovar o Plano Municipal de Assistência Social, de acordo com a Política Pública de Assistência Social; fixar normas para inscrição das entidades e organizações de Assistência Social no âmbito municipal; inscrever as entidades e organizações de Assistência Social para fins de funcionamento, conforme legislação vigente; fiscalizar as Entidades e organizações de Assistência Social de acordo com diretrizes e normas a serem estabelecidas pelo plenário através de resoluções; apreciar e aprovar programas e projetos objetivando a celebração de Contratos e Convênios entre a Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS) e as entidades e organizações de Assistência Social, entre outras atividades.

Composto por nove representantes da Sociedade Civil e nove do Poder Público, com seus respectivos suplentes nomeados pelo prefeito, esses 18 representantes da Sociedade Civil são eleitos em foro próprio sob fiscalização do Ministério Público, subdivididos em igual número de seis conselheiros entre os três segmentos que compõem o setor:

– segmento de usuários ou organização de usuários;

– segmento das entidades e organizações de assistência social;

– segmento dos trabalhadores nas organizações – privadas – de assistência social.

Confira as fotos:

Fotos 20.05.16

Redação:

Assiantura-Comunicação-I