Formatura do Curso de Alfabetização de Jovens e Adultos 2016/2017

Trinta e cinco pessoas passaram a ver o mundo de maneira diferente, a partir do último dia 15. Nesta data se comemorou a Formatura do Curso de Alfabetização de Jovens e Adultos 2016/2017.

O curso faz parte do Programa “Construindo Pessoas”, fruto da parceria entre o Instituto Cyrela e a Associação AlfaSol e o seu principal objetivo é reduzir os índices de analfabetismo entre pessoas com pouca ou nenhuma escolarização, sem condições de frequentar uma escola pública. A metodologia aplicada vai além do ler e escrever, pois traz referências ao cotidiano dos alunos, o que possibilita um aprendizado mais prático e com melhor entendimento, visando o desenvolvimento pessoal e social e proporcionando novas possibilidades em suas vidas. O Projeto contemplou alunos da zona Leste, orientados pela educadora Deborah Gonçalves; e na zona Sul na Associação Mais Viver, orientados pela educadora Noélia Uchôa.

As aulas do curso aconteceram no CEFOPEA (Centro de Formação Profissional e Educação Ambiental) e na Associação Mais Viver, com início em setembro de 2016 e encerramento em junho de 2017. No início, os alunos matriculados participaram do “Projeto VER”, que beneficiava as pessoas com baixa acuidade visual. Os educandos realizaram exames de vista e todos aqueles que necessitavam, receberam óculos de grau gratuitamente, o que contribuiu para o aprendizado e a socialização da turma. Foram beneficiados 24 alunos.

A cerimônia de formatura aconteceu no CEFOPEA, no espaço do Cineco, decorado especialmente para a ocasião. Os alunos trouxeram seus familiares para participar deste momento tão especial que contou com as ilustres presenças de Rafael Marques, representante do Instituto Cyrela; de Thais Fernandes, consultora pedagógica da Alfasol; Bruno Noveli, gerente de projetos da Alfasol; Viviane Gonçalves, representante da Reciclázaro.

No início da cerimônia, os representantes das entidades envolvidas falaram sobre a importância do curso e as professoras e duas alunas relataram suas experiências com muita emoção. Em seguida, os convidados assistiram a uma apresentação musical feita pelos alunos que, vindos de diversas partes do Brasil (Pernambuco, Bahia, Minas Gerais, Ceará, Maranhão, Paraíba e São Paulo),  representaram do momento de chegada à São Paulo e a transformação de suas vidas através da alfabetização.

Dando prosseguimento à cerimônia houve a entrega dos diplomas e a leitura de um poema feita por uma aluna da Associação Mais Viver. Para encerrar, todos puderam assistir a uma retrospectiva dos alunos em sala de aula e, ao final, desfrutaram de um delicioso coquetel preparado pela Padaria Pão de Moça.

Redação:

Assiantura-Comunicação-I